Possível retorno do Bitcoin, mas não das altcoins

Um alto executivo de um dos maiores e mais antigos processadores de pagamento em criptomoedas afirmou esperar firmemente que o Bitcoin se recupere em 2019, embora os valores das altcoins provavelmente nunca mais verão seus picos apresentados no início de 2018.

Leia mais: IBM cria diretório que agrega informações sobre redes blockchain ao redor do mundo

Sonny Singh, CCO do BitPay, afirmou durante uma entrevista com o Bloomberg que sua empresa nunca esteve mais otimista acerca de criptomoedas, ressaltando que o desenvolvimento de adoção e infraestrutura está se movendo com velocidade total, mesmo tendo o mercado perdido 80% de valorização em relação ao seu pico exibido em janeiro.

Contudo, ele ressalta que este desenvolvimento em infraestrutura se concentrou amplamente em uma única criptomoeda — bitcoin — razão pela qual Singh espera que ela projete uma sombra sobre suas semelhantes.

“Altcoins nunca mais retornarão, eu acredito, e da mesma forma o bitcoin retornará. Você sabe, Fidelity, BlackRock, eles não estão lançando produtos de altcoins. Eles estão lançando produtos de Bitcoin. Então ela se recuperará no ano que vem, quando estes produtos mainstream começarem a ser lançados amplamente,” afirmou Singh, aproveitando para afirmar que o mercado das ofertas iniciais de moedas (ICOs) está em apuros.

Webitcoin: "Bitcoin se recuperará, mas altcoins nunca mais retornarão", afirma executivo do BitPay

Altcoins sofrem e Bitcoin aumenta sua participação no mercado

Neste ponto, altcoins como um grupo foram afetadas pelo declínio do mercado de forma mais abrupta do que a maior cirptomoeda do mercado, cuja parcela do mercado atingiu recentemente sua marca mais alta do ano.

Leia mais: Tráfico financiado pelo governo torna o dólar a moeda mais suja do mundo, não o Bitcoin

Singh afirmou que ele não tem certeza se o mercado de BTC já encontrou seu fundo, ressaltando que o sentimento de trading parece sugerir que investidores estão buscando um momento definitivo, ou catalisador, que impulsionará a próxima ascensão.

Ultimamente, ele explicou, investidores têm realizado seus trades sob rumores acerca das grandes instituições financeiras lançarem ou não seus produtos para essa classe nascente de ativos. Consequentemente, é improvável que a ascensão do valor do BTC apresente algo além do que já vem mostrando, até que esses rumores se tornem ações concretas – quando a Goldman Sachs começar a operar criptomoedas, quando a BlackRock lançar um ETF baseado em Bitcoin, ou quando a Square começar a processar pagamentos em Bitcoin.

Fonte: CCN



As melhores taxas e transações em tempo real, só na 3xbit.


Comece agora 3xbit.com.br!