De forma ilícita, Xu Xinghua supostamente extraiu mais de 3 Bitcoin com sucesso

De acordo com o The Paper, um homem foi condenado a 3 anos e meio de prisão por roubar energia de uma estação de trem na China para minerar Bitcoin.

O crime foi realizado em Datong, na província chinesa de Shanxi.

Leia mais: Bitfinex nega rumores de insolvência e problemas bancários

Além dos anos na prisão, Xu Xinghua teve seu equipamento confiscado, foi multado em cerca de US$14500, e deverá arcar com o custo das tarifas de eletricidade.

Segundo o relatório da polícia, Xinghua cometia o crime já há algum tempo, utilizando outras fontes.

Em novembro de 2017, Xu aparentemente roubou eletricidade de uma das sedes da fábrica Konkan Railway para abastecer seus 50 mineradores de Bitcoin e 3 ventiladores elétricos. De acordo com a investigação, 5 máquinas foram danificadas neste período.

Em abril deste ano, Xinghua supostamente extraiu 3,2 Bicoin, ganhando cerca de US$17400. O feito resultou em um aumento na conta de eletricidade.

Leia mais: Binance revelará taxas de listagem e doará 100% delas para a caridade

O roubo não foi um caso isolado. Em junho um homem foi preso na província de Anhui por roubar energia para financiar operações de mineração.

Em suma, foram abastecidos 200 computadores para mineração de Bitcoin e Ethereum. A façanha resultou em uma conta de mais de US$930 por dia.

Leia mais: Economista americano diz que criptomoedas são tão centralizadas quanto a Coreia do Norte

FONTE: COINTELEGRAPH



As melhores taxas e transações em tempo real, só na 3xbit.


Comece agora 3xbit.com.br!