Baleias moram no mercado de balcão

Segundo uma recente pesquisa do TABB Group, intitulada “Trading de criptomoedas: plataformas com foco no mercado institucional”, o mercado de balcão do Bitcoin é aproximadamente três vezes maior do que o mercado das exchanges. Embora exchanges de criptomoedas processem US$4 bilhões em trocas de Bitcoin por dia a nível global, a avaliação do TABB sobre o mercado de balcão estipula que ele seja responsável por processar US$12 bilhões em Bitcoin diariamente.

Leia mais: Novo anúncio do Google: criptomoedas não são dinheiro real

Quem está no mercado de balcão?

“Baleias” ou grandes detentores de Bitcoin representam a maior parte deste mercado de balcão. Tendo em vista a concentração de posse da rede do Bitcoin, baleias podem substancialmente mover o mercado com uma única grande troca avaliada em centenas de milhões de dólares. Em vez de vender Bitcoins em uma exchange, as baleias preferem vender cripto ativos no mercado de balcão, evitando promover movimentações drásticas ou sell-offs no mercado.

Por exemplo, a Chainalysis, provedora de ferramentas de rastreamento de cripto ativos para companhias, ressaltou que 50 transações envolvendo um total de 50500 Bitcoins foram realizadas a partir da carteira de uma baleia, entre os dias 23 e 30 de agosto.

Usuários do Reddit começaram a monitorar essas atividades pouco usuais, sendo suficiente para espantar o mercado. É possível imaginar a reação que o mercado teria se uma dessas baleias vendesse todo esse volume em uma exchange.

Webitcoin: Mercado de balcão do Bitcoin é três vezes maior em relação ao de exchanges

Essa disparidade durará para sempre?

O fluxo iminente de dinheiro institucional na cripto esfera provavelmente diminuirá e, por fim, erradicará a habilidade que as baleias possuem de lucrarem por meio da manipulação do mercado. Quanto mais cedo os investidores institucionais adentrarem a esfera, menos o mercado se concentrará, e as baleias terão menos controle sobre ele.

Leia mais: O que é um fork em uma criptomoeda?

Existem alguns itens que os investidores institucionais devem observam antes de se envolverem com criptomoedas. Primeiro, investidores institucionais gostam de infraestruturas a nível empresarial, como soluções de custódia confiáveis e corretoras. JPMorgan, Bank of New York Mellon e Northern Trust estão explorando serviços de troca e custódia de cripto ativos.

Adicionalmente, dados a nível institucional é outro avanço necessário para que muitos investidores institucionais adentrem a esfera. Não existem padrões atuais para dados de criptomoedas. Por último, mas não menos importante, investidores institucionais estão buscando uma maior clareza regulatória, algo que deve surgir este ano, uma vez que diversos órgãos regulatórios devem desenvolver estruturas.

Embora atualmente o mercado de balcão do Bitcoin seja três vezes maior do que o mercado de exchanges, as coisas devem mudar quando diversos investidores institucionais adentrarem a cripto esfera.

Fonte: CryptoSlate



As melhores taxas e transações em tempo real, só na 3xbit.


Comece agora 3xbit.com.br!