Financiamento coletivo para compra de armas utilizando Bitcoin ou Monero

Com uma proposta um pouco diferente dos financiamentos coletivos convencionais, uma página da Dark Web possibilita que o navegador realize transações de Bitcoin ou Monero para contribuir com jihadistas.

O site SadaqaCoins pode ser acessado somente pelo navegador Tor. Os fundos adquiridos ajudam no pagamento de picapes 4×4, silenciadores, rifles, e até mesmo o treinamento em combate para aspirantes. Cada finalidade possui uma wallet distinta.

O site está ativo à menos de um mês, e aparentemente nenhum doação foi realizada até o momento.

A página cita várias maneiras de ajudar a causa: mineração ou compra de criptoativos para doação, publicidade, e até mesmo hackear criptomoedas de não-muçulmanos, de acordo com o conceito de Ghanima (propriedade de descrentes apreendida por muçulmanos por meio da dominação).

O site foi “descoberto” pelo analista Benjamin Strick no final de agosto.

Um dos projetos do site utilizará o dinheiro arrecadado para resgatar cinco mulheres presas na Síria. O slogan da missão possui o título “As irmãs esquecidas”.

Em síntese, não há provas concretas que posicionem a atividade militar no Oriente Médio. Entretanto, o resgate citado acima e as atividades do twitter @sadaqacoins sugerem que o projeto mantém sua base na Síria.

A conta do twitter segue tanto jornalistas investigativos quanto especialistas em terrorismo.

Há a possibilidade da página ser uma fraude muito bem elaborada. Por outro lado, não há indicativos que o site seja algo além do que aparenta.

Leia mais: Cidade Canadense pagará quantia em Bitcoin para hackers restaurarem o sistema computacional

FONTE: CCN



As melhores taxas e transações em tempo real, só na 3xbit.


Comece agora 3xbit.com.br!